sexta-feira, 24 de abril de 2009

Lula Morais, também é o cara

Depois do Presidente Lula virar o cara pro Obama, agora é a vez do Lula Morais ser o cara lá na Assembléia Legislativa do Ceará, onde ele é deputado do PCdoB. Olhe que eu já tô nessa parada de assessoria parlamentar há mais de vinte anos, vi todo tipo de briga política e grandes batalhas do povo em defesa dos seus direitos. Vitórias e derrotas convivem ali, juntinhas. Houve um tempo que mesmo algumas vitórias históricas, como a aprovação do projeto de lei do então deputado estadual Chico Lopes que criava a meia passagem macrorregional pros estudantes teve um gostinho amargo porque tivemos que recuar bastante pra garantir o fundamental. Pois o Lula Morais arrebentou com a proposta de CPI da Coelce, que vai investigar o aumento abusivo até demais de 11,25% - quase o dobro da inflação - nas contas de energia elétrica.

Essa é daquelas batalhas que ainda tão só no começo, mas que a gente já sabe que daqui pra frente o que vier vem bem, é lucro. A Assembléia do Ceará tem 46 deputados e o Lula Morais conseguiu o apoio de 41, e ainda se diz que os outros cinco só não assinaram porque estão viajando. Isso é motivo mesmo prá dar parabéns ao Lula, um cabra que quando mete uma coisa na cabeça, vai fundo. Eu mesmo tinha ponderado com argumentos políticos sobre a oportunidade de persistir na idéia CPI. Eu temia que ele se isolasse, afinal a Coelce tem muita força, e a gente sabe que os argumentos desse tipo de gente, movida por interesses poderosos, são muito "fortes" e podem ser bem recebidos por gente de convicação frágil. Pois o danado do Lula conseguiu apoio mais do que suficiente.


A batalha agora é pra que seja instalada a CPI. Vai ser uma batalha dura mesmo porque, como me disse meu camarada Francinet, um cabra muito sabedor das coisas, "a Coelce ainda num entrou no jogo pra valer". Ele tem razão, mas uma coisa importante deve ser considerada, a situação da Coelce né muito fácil não. Lembro que quando a empresa foi privatizada, há 10 anos, a mesma Assembléia Legistiva deu apoio massivo e quem ousasse contestar era inimio da sociedade, porque a privatização ia garantir eficácia na prestação do serviço. No dia do leilão de privatização houve uma batalha campal em frente a Bolsa de Valores. A polícia, comandada pelo Cel Evanildo Lopes, que depois foi Chefe da Casa Militar do Tasso Jereissati e hoje é chefe de segurança do Shopping Iguatemi, do mesmo Tasso, desceu a lenha e no dia seguinte a manifestação foi minimizada pelos mesmos jornais O POVO e o Diário do Nordeste que hoje dão ampla cbertura às reações contra o aumento da energia.


O que mudou? Quem mudou? Porque a Coelce perdeu apoio na Assembléia? Qual será o desdobramento da CPI? O movimento social tem o que fazer agora? Essas são algumas questões que devemos levantar para entendermos a situação e sabermos o que fazer daqui pra frente. Mas antes de tentar responder volto a dizer que o Lula Morais tem um mérito que é só dele: a persistência, a convicação de que é possível encurralar a Coelce que tem a cara de pau de enfiar na tarifa uma conta de energia gerada por uma termelétrica pertencente ao mesmo grupo empresarial que ela, a ENDESA, sem que sequer tenha gás no Ceará para fazer a tal térmica funcionar. Por esta e outras, nos dez anos da privatização, a tarifa de energia aumetou 274%, contra 190% de reajustes do IGP-M e 100% do IPCA. A Coelce arrumou um "cabra chato" pra encher o saco dela. Lula Morais é o cara que num vai sossegar enquanto não provar que tem um curto circuito na conta de luz e ele pode ficar certo que a população sabe muito bem reconhecer os que de fato lutam em defesa dos seus interesses.


E as questões relevantes que listei lá em cima? Pois é, eu até tinha pensando em falr disso depois, pra num esticar muito essa postagem. Mas acho que dá dizer logo que o Brasil mudou, afinal a chegado do Cara Lula à Presidência da República, queiramos ou não, e eu quero, provocou mudanças, algumas mais, outras menos, e outras quase nada. Mas nesse negócio de privatização a pauta é outra. Estatal agora é valorizada e respeitada, taí a Petrobrás que num me deixa mentir. Na épca do FHC, o Coisa Ruim, como gosta de chamar o Messias Pontes, estas empresas foram impedidas de investir, viraram inimigas da nação. E o que tem a ver a Coelce com isso, se ela agora é privada. Tudo a ver! Na privatização prometeram o céu, e na verdade a vida povo virou um inferno. O fogo desse inferno é exatamente a conta no fim do mês. E foi exatamente isso que a ANEEL não entendeu quando concedeu o aumento absurdo de 11,25%.


Nesse cenário aí muita gente mudou e procurou ficar em sintonia com os novos tempos e com a população. Não vou entrar no mérito da sinceridade das mudança de comportamento de alguns antigos apoiadores da privatização. Não acho o mais relevante discutir as intenções. Já se disse que o inferno tá cheio de boas, e acho que no céu também deve ter más. Pra mim o que conta mesmo são os ganhos que a população e o país tem. Vou lá perguntar porque o cara mudou, até porque num quero que ele volte atrás. Bom, essa mudança se reflete na Assembléia Legislativa e claro, na CPI. Tem gente que assinou o pedido, em 1998 aprovou a privatização e até pouco tempo andava de chamego com a Coelce. Isso pode complicar a vida da empresa na CPI e é justamente aí que o movimento social tem o que fazer. É preciso criar um movimento amplo, com a presença das entidades populares e de outros setores sociais que se sintam prejudicados com o aumento da energia. O objetivo imediato é revogar o aumento, mas é também apoiar uma investigação profunda na CPI da Coelce e se tiver força questionar a privatização. Afinal o Brasil mudou, muita coisa também tá mudando pelo mundo a fora, e isso deve nos inspirar e motivar para querer mudanças mais profundas e até mudar o que mudou de forma errada, como a venda da Coelce.

Um comentário:

marciacsilva disse...

Inácio,
Primeiro: Boa sorte nesta CPI, conheci o Lula em Caracas,no Conselho mundial da paz.
Já a Soninha conheci através do blog do Nivaldo, que também conheci em Caracas e você em diversos blogs de camaradas. Parabéns por suas matérias,leio com alguma frequencia, estou adorando esta história de blog pois como quis que o meu fosse meio "clipping" das coisas que leio, acabou me obrigando a ler muito mais, e isto é ótimo.
Já coloquei seu link lá "nas minhas leituras" e agora é torcer pro alvinegro.
beijos
Márcia